Há uma ontologia política do saber em Foucault?

Felipe Luiz

Resumo


O objetivo do presente texto é debater alguns elementos do pensamento de Michel Foucault, sobretudo seu conceito de saber, objetivando descobrir se haveria em seus escritos uma ontologia política do saber. O que se entende por ontologia está especificado, bem como se aventa o que se deve entender por saber a partir dos próprios textos de Michel Foucault, sobremaneira La vérité et les formes juridiques e Nietzsche, la généalogie et l’histoire. Para tanto, analisamos a formação do conceito de saber em Foucault, a partir de seu diálogo com a filosofia de Nietzsche, e constatamos a existência de uma ontologia política do saber. Brevemente também mostramos a aplicação desta mesma ontologia em alguns textos de Foucault, de modo que sua produção, ao menos na década de 70, foi marcada pela politização do campo do saber, ao imiscuí-lo com as relações de poder.


Texto completo:

PDF

Apontamentos

  • Não há apontamentos.




Creative Commons License
This work is licensed under a Creative Commons Attribution 3.0 License.